A conversa

João Almeida Lopes “É preciso tratar as pessoas o mais rapidamente possível”

A falta de uma dotação orçamental à altura das reais necessidades do Serviço Nacional de Saúde (SNS) é um problema crónico da saúde pública portuguesa

A conversa

João Almeida Lopes “É preciso tratar as pessoas o mais rapidamente possível”

A falta de uma dotação orçamental à altura das reais necessidades do Serviço Nacional de Saúde (SNS) é um problema crónico da saúde pública portuguesa

A falta de uma dotação orçamental à altura das reais necessidades do Serviço Nacional de Saúde (SNS) é um problema crónico da saúde pública portuguesa, que agora enfrenta mais um choque – a necessidade de recuperar cirurgias, consultas, exames e tratamentos que ficaram por fazer durante a pandemia. Esta realidade exige um orçamento reforçado em 2022, diz João Almeida Lopes, presidente da Apifarma.

 

Numa entrevista a propósito do OE-2022, Almeida Lopes explica as consequências da falta de recursos e alerta para o impacto silencioso da segunda pandemia — a dos casos não tratados e não-diagnosticados. “É preciso tratar as pessoas o mais rapidamente possível. Este é um problema gravíssimo.”

 

Assista à entrevista completa:

Associados Apifarma

A APIFARMA tem 115 empresas associadas. Consulte a lista.

Ver listagem de associados

Fale connosco

Tem alguma questão sobre o nosso site, serviços e áreas de intervenção?

Contacte-nos