Actualidade

Estudo da Comissão Europeia confirma escassez de Medicamentos na Europa

A Comissão Europeia acaba de publicar um estudo que confirma a escassez de medicamentos na Europa. Solicitado por vários parceiros, pelo Parlamento e Conselho Europeu, o documento revela que a escassez ocorre com frequência em toda a Europa e envolve, sobretudo, medicamentos mais antigos, sem patente e genéricos.

Actualidade

Estudo da Comissão Europeia confirma escassez de Medicamentos na Europa

A Comissão Europeia acaba de publicar um estudo que confirma a escassez de medicamentos na Europa. Solicitado por vários parceiros, pelo Parlamento e Conselho Europeu, o documento revela que a escassez ocorre com frequência em toda a Europa e envolve, sobretudo, medicamentos mais antigos, sem patente e genéricos.

A Comissão Europeia acaba de publicar um estudo que confirma a escassez de medicamentos na Europa. Solicitado por vários parceiros, pelo Parlamento e Conselho Europeu, o documento revela que a escassez ocorre com frequência em toda a Europa e envolve, sobretudo, medicamentos mais antigos, sem patente e genéricos.

 

O estudo, agora publicado pela Comissão Europeia, embora refira a limitação da análise efetuada devido à inexistência de dados padronizados de qualidade, vem confirmar que existe escassez de medicamentos na Europa. As causas são multifatoriais e identificadas ao longo de toda a cadeia de valor farmacêutica, desde a fabricação de matérias-primas até aos preços nacionais e práticas de compras.

 

De acordo com o documento, a escassez representa um problema significativo para a qualidade e continuidade do atendimento ao paciente. E, não obstante, terem sido lançadas várias ações nos últimos anos para a combater, a pandemia acabou por vir realçar ainda mais o tema da disponibilidade de medicamentos e as vulnerabilidades das cadeias de abastecimento.

 

A Comissão Europeia anuncia uma proposta legislativa para o final de 2022 que deverá incluir um pacote de medidas para fazer face à escassez do medicamento no continente.

 

Para mais informação sobre o estudo consulte: https://ec.europa.eu/health/human-use/strategy_en

Associados Apifarma

A APIFARMA tem 114 empresas associadas. Consulte a lista.

Ver listagem de associados

Fale connosco

Tem alguma questão sobre o nosso site, serviços e áreas de intervenção?

Contacte-nos